terça-feira, julho 12, 2016

Somos Campeões - S for Uma questão de Sorte or P se não fosse o Rui Patrício estávamos lixados





A taça veio para Portugal.
Os tugas fazem a festa. As televisões reproduzem o feito, as marchas populares pelas ruas de Lisboa.
Somos os melhores, dizem.
Eu digo: - estão enganados, ó maravilhosos tugas!
O Rui Patricio defendeu. Ele é o Herói do Euro português.
Na final com a França, não fosse o Patricio, logo na primeira parte, os franceses tinham metido uns três na baliza.
Sorte! Foi Sorte!
Os tugas continuam a jogar um futebol com falta de qualidade.
Foi Sorte e o Rui Patrício.
Eu vi.
Eu estava lá!
Beijos e Abraços de um português que não festejou a vitória.
Um português que foi trabalhar como todos os dias.

Cresçam!

a vida como num ecrã de cinema




a mulher tinha já a idade da sombra
deu-me a mão  era fogo e gelo
procurei enfrentá-la  e era fogo
«não dou nenhuma importância à vida»
tinha já a idade da sombra e era gelo
pensei  podia morrer por um só dia
«atravessei contigo toda uma vida»
esse incêndio não posso dar-lhe o nome
tornou-se tão brilhante que me cegou
incendiou-me a alma de gelo e fogo
procurei não me render a essa mulher


a vida como num ecrã de cinema  
disse adeus à mulher que conheci 
envolveram-me grades 
até hoje  para sempre
não reconheço o pressentimento
entre a vida e sagrado

doce tortura implacável e cruel
da sua vida
onde cada rosa é uma pedra

quarta-feira, julho 06, 2016

I Love You to Death


I beg to serve, your wish is my law
Now close those eyes and let me love you to death
Shall I prove I mean what i'm saying, begging
I say the beast inside of me's gonna get ya, get ya, get...


foto olaf martens




Arquivo do blogue