quinta-feira, setembro 27, 2007


to tired to understand
is he sick?
may i take a piece of him?
he has no head, and no heart

i'm too tired to answer.
why can't he speak
i'm sick as hell
i'm so tired. i'm so tired.

i have no heart, no soul
i see nothing.
trainspotting

foto sauco

a sedução...

foto sauco
in photosight.ru
We are all Stars.

Foto Steven Meisel

quarta-feira, setembro 26, 2007

...in a world where we're stringed as poppets
and life value disappear
under the shade of cunningly crippling umbrella.
pang of subdued cries against tangible oppressors
come into form within the concious psyche
as the moon above tonight...


foto mirriam

dream well the story of this night
where soppy ties have no meaning...


foto mirriamvia: 2photo.ru

O Augusto do Klepsidra nomeou este blogue para o Power of Schmooze AwardAward. Agradeço ao Augusto.
"Este prémio é uma tentativa de reunir os blogues que são adeptos dos relacionamentos "inter blogues" fazendo um espaço para ser parte de uma conversação e não apenas de um monólogo.
e seja . pela Comunidade...

nomear os seguintes não é tarefa fácil, mas aqui vão as escolhas do Pleasuredome:

corpos e almas



arrepia-me
o toque suave dos teus dedos
que se demoram
sedutores
na minha pele...


salsa e pimenta

"O Irão continua a sua campanha de execuções. A última confirmação é a morte por enforcamento de cinco homens em Mashad, com uma vasta assistência como comprovam as fotos da agência semi-oficial Mehr, por motivos que não foram revelados."
sem pénis, nem inveja

A felicidade vende. Bem. Muito. Barato - ao preço dum seguro, duma ligação de internet, de um automóvel, iogurte ou de um refrigerante. Publicitários fazem do júbilo sofisticada ferramenta de consumo, substituindo a interioridade do sentimento pela dependência dos bens. O histerismo dos participantes em competições asnas por uma dúzia de electrodomésticos é, do mesmo, outra prova - torradeiras, aspiradores, plasmas e carripana, o marido mais a sogra e a prima e o vizinho numa cacofonia berrada de apoios e conselhos q’arrebentam tímpanos espectadores. É o mundo ao contrário. Os antípodas da racionalidade como espectáculo. O contentamento vão. A posse como a nova felicidade – mais ter, melhor ser.

Escrevia Carlos Drummond: "Há duas épocas na vida, infância e velhice, em que a felicidade está numa caixa de bombons". Pelo prazer simples do doce engolir. Sem outras metafísicas do que comer chocolates, como Álvaro de Campos recomendava na Tabacaria:

Come chocolates, pequena;
Come chocolates!
Olha que não há mais metafísica no mundo senão chocolates.
Olha que as religiões todas não ensinam mais que a confeitaria.
Come, pequena suja, come!
Pudesse eu comer chocolates com a mesma verdade com que comes!
Mas eu penso e, ao tirar o papel de prata, que é folha de estanho,
Deito tudo para o chão, como tenho deitado a vida.

Quem desperdiça a folha metálica por que só embrulha um prazer, despreza da vida partes. No recuo aos horizontes de ontem, o reconto do histórico pessoal clarifica o hoje e privilegiar memórias desencantadas prova falta à lição maior: para ser feliz até um certo ponto é preciso ter sofrido até esse mesmo ponto. Negando mérito e algum louvor aos que da pele se acercaram e a sorte vária afastou, é o próprio que a si nega primeiro, porque quem foi o faz. E falam dos gajos do passado íntimo, das «chocas» com as quais se deitaram, apetecendo perguntar se foram gado barrosão sem outra serventia que estéreis parideiras ou inaptos cobridores. Ignoram o escrito de Yourcenar: "A felicidade é uma obra-prima: o menor erro falseia-a, a menor hesitação altera-a, a menor falta de delicadeza desfeia-a, a menor palermice embrutece-a”.


show must go on


Gosto
Dos corpos
Dos fluidos
Das salivas
Dos suores

Das línguas
Dos dedos
Dos sexos

Gosto
Do escorregar
Do roçar
Do usar
Do tocar

Do hesitar em confirmar
Do perder e encontrar
Do saber, do desconhecer

Gosto da consciente fraqueza da inevitabilidade


um dia de cada vez


Nos dias bons chegava à beira, fincava os dedos dos pés até arranhar o lodo e mergulhava. Nesses dias podia com o mundo inteiro na palma da mão e levava-o com ela até ao fundo. Chegada aí, largava-o, batia com os pés na areia e cortava veloz até à superfície onde ficava a arquejar à procura de ar e mais ar para encher os pulmões. Depois estirava-se na água e ficava assim, ora de pernas encolhidas, ora a adejar os braços, ora a andar de bicicleta de lado obrigando o corpo a rodar sobre si próprio. E nunca se afundava, boiava sempre, daquela maneira estranha e desinquieta. Até a pele engelhar e as unhas ficarem roxas.
Nos dias maus chegava à beira, fincava os dedos dos pés até arranhar o lodo e ficava.
Nesses dias o mundo inteiro era-lhe pesado e tinha a certeza de que se mergulhasse nunca mais conseguiria voltar à superfície.
Então descia e deixava-se ficar na beirinha. Apanhava conchas e pequenos búzios que o mar descartara da sua colecção enquanto aguardava que o mundo ficasse mais leve. Só então o equilibrava na palma da mão e corriam os dois mar adentro

todos os textos são dos autores dos respectivos blogues

terça-feira, setembro 25, 2007


we have no scars...
we are the inheritors, the evidence of heaven
in every dance no steps are placed
descendants of a legacy gone but not forgotten...

foto michael tokarczuc

ah! em que é que falhei?

foto steven meisel

domingo, setembro 23, 2007


como quiseres e com quem quiseres, mas ninguém mais do que eu.
sem palavras encosto-me ao teu corpo adormecido. dormes ainda.
queria fazer-te em mim.
como salto no vácuo, tu na minha mão, o princípio. o corpo.
o tranpolim. o outro eu. sim, sou eu, aí, no espelho
querias fazer-me em ti...


foto vlad gansovsky

sábado, setembro 22, 2007

tamos int土rs土sados em acheter du p话/édios, 吴asas, apat韶tamentos - os chineses compram Portugal


吴语/吳語 闽语/閩語
客家话/客家話

韶州土话/韶州土話

官话/官話 北方話/北方话
If you bow at all, bow low.
/b/, /d/, /g/, /z/, /v/, /dʑ/,官话

tradução:
em br北ve vamos estar  por方tgal
tal
c州me arranged
tamos int土rs土sados em acheter du p话/édios, 吴asas, apat韶tamentos 
empr
sas de luz, elet官话dade, tudo dʑ/  queiram vender agente compra
bow low.
torre de belem interessar muito
jero闽语imos interessa para lar chines 3ª idade

estamos  /z/ ver anucios 語 闽语  governo portugues
meteu jornais chineses bow all
(temos tradutora a drª瑪麗亞·勞拉 ( Maria Laura)
需要 (obrigada) 


foto xu yong

Os chineses vão comprar Portugal. Vende-se tudo ao desbarato.



foto  xu yong

a drª Maria laura ensinando chinese a dois importantes membros do governo português
foto publicada no jornal chinês Canako Xiaoxi
in DS

A bird does not sing because it has an answer. It sings because it has a song.
Hui 徽语/徽語
A book holds a house of gold.
Jin 晋语/晉語
Pinghua 平话/平話
A child's life is like a piece of paper on which every person leaves a mark.
Xiang 湘语/湘語:(
If you don't want anyone to know, don't do it.
徽语/徽語晋语/晉語 平话/平話湘语/湘語:))
first lesson
湘語:(

foto xu yong

sexta-feira, setembro 21, 2007

a soul space woman


i'm a super soul fighter
a soul space woman
flying through the sky
defending you and i

i'm a super soul fighter
fighting bad and evil
fighting wars and battles
i'm spreading love vibrations

i'm a super soul fighter
the flame in your heart
and i wish that could fly
into the sky very high

let's go and see the stars
i'm a super soul fighter


foto alex krivtsov
via:
photosight.ru

quinta-feira, setembro 20, 2007


hora de luz no meu entardecer, esquecer que em vez
de espuma
sou

a tristeza que o amor criou
de tempos idos.

...in the TWILIGHT KINGDOM

Photographer:
katarzyna widmanska

tudo normal, tudo evidente. todos os dias me visto,
para o verdadeiro circo onde vivo...

foto
katarzyna widmanska

quarta-feira, setembro 12, 2007



os amantes...

fotos khristofer dan-bergman

O Advogado do Diabo - Parte 3


o primo alemão

o primo alemão, conhecido fascista com base nazi em...(segredo de justiça), foi convidado para um importante cargo no governo da Suazilândia.
aí o primo alemão pensou: era bem bom, o problema são os "tais problemas" que tive em 1999/2001.
aí o rei da Suazilândia terá dito; as fontes não são completamente fidedignas: - contrata-se um especialista para apagar essas marcas antigas. o Bloco de Esquerda lá do sítio sabendo da história, entrou em contacto com o Rei. informou que de saúde percebiam eles e não iam deixar apagar a memória dos "podres" do primo alemão.
o rei da Suazilândia, muito amigo do primo [partilhavam cama de quando em vez mais uns tantos], resolveu arranjar outro emprego ao primo. brilhante, watson.
cama e roupa lavada, mais uns "cobres" para cobrir despesas, entretanto o primo prometeu em troca, encher os "fundos" do reino da Suazilãndia, com os fundos que iria "arrebanhar" com a campanha desencadeada pelos dois primos e os amigos de confiança.
pergunta: porque é que o primo alemão matou o rei da Suazilândia, que tinha uma marca no rabo?
aí entra o advogado do diabo.
vamos provar, diz ele, que o Rei ainda está vivo
- como? - pergunta o primo alemão
vai aparecer o seu irmão gémeo, que miraculosamente está preso em local em sítio só conhecido por uma conhecida figura do jet set português (esta fonte também não é 100% certa, mas é uma hipóteses).
os media histéricos, sem confirmarem as fontes (como é hábito), "deitam" a notícia cá para fora.
aí o advogado do diabo diz:
- filhos da p...não sabem ficar calados.
- então fazemos o quê agora?
- temos de esperar uns 20 anos até poder aparecer o gémeo.
- mas esse não tem a marca no rabo
- fazemos como no outro (este gajo é estúpido!, pensa o advogado), não foste tu que puseste a marca no outro?
teoria prática da família do primo alemão. esqueceram-se de averiguar se a marca era verdadeira ou colada. esqueceram?
esta é uma história verdadeira, alegadamente ficcionada...

tadução livre para os visitantes estrangeiros.
this is a blog of erotic images, the blood is pertenced to the suns of a bitches and the twin sister is about to appear, on the other hand the price of the goods are around 1 zero zero zero zero zero millions MILLIONS of Euros about millions and thounsands of rich dollares, you know, we have to wait for more of twenty years to see these case resolved. the king of swazilande was a dicipule of the devil, and the lawyer was is lawyer. today the world was changed. 11 sptember. devil's day. osan bin lauden, and so on. all devils. the image you see above, is the cousin of the devil, so cousin of bin lauden, hittler and so and so...

este post merece um prémio. assim declaro-o o post do dia. e este blog, Pleasuredome o Blog Solidário do Ano.
tenho dito.
se houver erros a gente depois emenda, deixem aqui escrito os erros e a gente corrige...
those are the limites...

a postar da Suazilândia, onde todas as pessoas andam nuas...

O Advogado do Diabo - Parte Dois


estás a ver ali aquele?
estou. é novo cá na zona.
estamos no inferno ou no céu?
estamos a meio caminho...
isto não me parece o céu sinceramente
quem é o gajo?
já fiscalizei todos os IPs e não atino
o que é isso de IPs
informadores psiquiquimante seguros
não acredito que seja dos nossos
nem eu. são sempre do lado deles/as
a nós ninguém nos defende...
já foi julgado pelo resto dos demoníacos demónios?
por quase todos, só faltamos nós
eu vou absolvê-lo, até prova em contrário...
pas moi está na cara que ele é uma preciosa ridícula

-aqui não se absolve ninguém. todos declarados culpados
até prova de inocência.

estes são os media, não lhes ligues
vão direitinhos para o Inferno
no primeiro dia que lá cheguei tinha uma pinta no rabo
pois tinhas... era um sinal de nascença...
sabes o que eles fizeram disseram a toda a gente que eu tinha
a pinta. eu sei.até mostraram a tua foto. por isso levaste o tiro...
isso não se faz. isso não se faz.

- isso não tem importância nenhuma, não nos lembrámos.

quem está a falar?
o meu primo alemão, ele é que informou toda a gente
nazi e muito inocentemente mostrou a foto para todo o mundo...
claro já me tinha dado o tiro. esperto foi ele
ele já te tinha dado o tiro? onde? como?
não posso dizer aqui, estão a ler-me...
eu não denuncio as minhas fontes, conta.
eu sei que estás a gravar, és tão bom como os outros...

- já requisitei o advogado do diabo para minha defesa

é o teu primo a falar outra vez, não é?
não se vai safar, não que eu não vou deixar,recorro ao Vaticano...

- esse ainda cá não está. lá chegará o dia.

é ele?
não.
é ela!!!!o diabo a falar.

esta estória não é da nossa autoria, foi encomendada. qualquer semelhança com personagens reais é pura coincidência. lavamos as nossas mãos como Herodes...
a frase não é do Herodes, é do Pilatos. o Pilatos é que respondeu ao Herodes: «Herodes, Herodes, ou te calas ou te f...., prejudicas»...

moral de história: os dois vão para o inferno, são iguais como duas gotas.


foto ivan pinkava

terça-feira, setembro 11, 2007

O Advogado do Diabo


o advogado do diabo
será o advogado ou o propriamente dito cujo?
Sou o propriamente dito cujo…
merda pá! vais ter de lhe vender a alma (pensando)
Metade da sua alma já está aqui
'tá não. mas tenho mesmo de dar-lhe a alma?
Talvez. Não quer?
falamos nisso mais tarde. consigo vou pró céu?
Direitinha para o Céu...
oiça eu não sou a. sou o
Isso é porque quer fugir às responsabilidades...
sou inocente.
Nós sabemos!
quem é nós?
OOOOOOHHHHHHHHH! Quer saber demais...
é demais ou de mais?
Para o Diabo tanto faz...
não me assuste, para diabo chego eu, still versus what?
É um amor antigo a do Diabo, de outras vidas...
águas passadas não movem moinhos.
Parece-me que o assento está ao contrário
você está a oferecer-me melancia...em troca de quê?
Você já sabe...
melancia faz lembrar-me a Expo98
Perquè?
ia lá muitas e muitas noites com uma amiga e comíamos melancia
Estou a babar-me...
depois conversamos, tá?

Vai pôr o link?
vou
Nunca o fez antes…
tenho de o comprar, negociar, você tem de passar... ...
Para o lado dos bons?
évidament...
Isto é um flirt descarado…
e tenho outra saída?
Para Brooklyn, par exemple...
não gosto de Berlim, só das bolas...
Isso já eu sabia.
vão dizer que temos um caso...
E eu ralado, já a engatámos...
conheço esta frase de qualquer lado.
Também eu ;)



foto ivan pinkava

terça-feira, setembro 04, 2007


c'est pas ma faute à moi
si j'entends tout autour de moi

moi je m'appelle Lolita

je vois les autres
tout prêts à se jeter sur moi
c'est pas ma faute à moi

que je suis un phénomène
je m'appelle Lolita...


foto ruven afanador

Arquivo do blogue